O destaque na agenda local desta semana fica por conta do IPCA-15 de maio (sexta-feira), além da divulgação do boletim Focus (segunda-feira). Para a prévia do IPCA de maio a REAG projeta desaceleração de 0,72% para 0,66%, refletindo o movimento de arrefecimento do grupo Alimentação em Domicílio. Esta semana teremos também o IPC-S da 3ª quadrissemana do mês, que deve mostrar novo recuo, também influenciado pela tendência de queda no preço dos alimentos. A queda deverá ser atenuada pelo avanço dos preços de energia elétrica.

Ao longo da semana, deve ser divulgada a Arrecadação Federal do mês de abril e os dados devem seguir apresentando certo fôlego, apesar do ritmo de recuperação da atividade ainda bastante fraco. Nossas projeções indicam uma arrecadação total de R$139,0 bilhões, o que representa aumento real de 1,2% na comparação com abril de 2018. A expectativa é a de que o crescimento seja puxado pelo avanço da arrecadação com o Imposto de Renda e com o Imposto de Importação e IPI-Vinculado à Importação, que devem mostrar avanço real acima de 6,0% YoY. No decorrer da semana, o Ministério do Trabalho e Emprego deve divulgar o saldo de empregos formais do CAGED em abril. Nossa estimativa é que haja saldo de 97 mil vagas, o que com ajuste sazonal representa um saldo de 8 mil vagas.

A reforma da Previdência volta ao foco na semana e pode sustentar a cautela em meio à crise política do governo Bolsonaro e a tensão com a guerra comercial entre Estados Unidos e a China. Bolsonaro (PSL) voltou a chamar os manifestantes que foram às ruas na última quarta-feira, 15, de “idiotas úteis” e disse que “cortou” a verba da Educação, em vez de falar em contingenciamento, a estudantes ontem em Brasília. Sua atitude na visão de especialista só dificulta a articulação política da reforma da Previdência. Fica no radar também a MP 870, que reduz o número de ministérios de 29 para 22 e expira em 3 de junho.

A agenda internacional traz o PIB da Alemanha (quinta-feira), além de dados de atividade industrial da Alemanha, dos EUA e da zona do euro (quinta-feira). Entre os eventos, destaque para as eleições para o Parlamento Europeu, além de treze discursos de dirigentes do Federal Reserve (Fed) na semana.

agenda_tabela

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

vinte + 1 =

Menu